1 2 3 4 5 »
"Tinha acabado um caso complicado com uma fulana que me deixou bastante arrasado. Perdi, por uns tempos, toda disposição por mulher. Em troca me concentrei em apostar nos cavalos, socar punheta e beber. Para usar de franqueza, me senti bem mais feliz desse jeito. E cada vez que me entregava a qualquer uma dessas três distrações, pensava, chega de mulheres, nunca mais, fodam-se. É claro que sempre aparecia uma nova – elas caçam a gente, por mais indiferente que seja. Acho até que, quanto maior a indiferença demonstrada, maior a insistência – é o prazer da vitória. Mulher gosta muito desses lances: quando vê resistência, trata logo de encontrar uma brecha."
Charles Bukowski.    (via oneprince)
"Ele era o calor, ela o frio. Ele era o verão, ela o inverno. Ele era certo, ela a errada. Ele era o silêncio, ela o barulho. Ele era a solução, ela era o problema. Ele era um sonho, ela era o pesadelo. Ele era calmo, e ela era o exagero. Ele era dela, e ela era dele. E assim, se completavam a sua maneira."
Bianca Menezes. (via ocasionador)
http://transpareci.tumblr.com/post/92538249636/ja-vivi-dias-tao-horriveis-que-senti-vontade-de

transpareci:

Já vivi dias tão horríveis que senti vontade de pedir a Alice as maravilhas de seu mundo, pois não via nenhuma no meu. Já senti dores tão profundas, que senti a necessidade de pedir o peito de meus amigos emprestado, porque ela não cabia só em mim. Já chorei tanto, que a única maneira de acabar…

"Pensava que escrevia por timidez, por não saber falar, pelas dificuldades de encarar a verdade enquanto ardia, arvorava, arfava. Há muitos que ainda acreditam que começaram a escrever pela covardia de abrir a boca. Nas cartas de amor, por exemplo, eu me declarava para quem gostava pelo papel, e não pela pele, ainda que o caderno seja pele de um figo. O figo, assim como a literatura, é descascado com as unhas, dispensando facas e canivetes. Não sei descascar laranjas e olhos com as unhas, e sim com os dentes. Com as mãos, sei descascar a boca do figo e o figo da boca, mais nada. Acreditei mesmo que escrever era uma fuga, pedra ignorada, silêncio espalhado, um subterfúgio, que não estava assumindo uma atitude e buscava me esconder, me retrair, me diminuir. Mas não. Escrever é queimar o papel de qualquer forma. Desde o princípio, foi a maior coragem, nunca uma desistência, nunca um recuo, e sim avanço e aceitação. Deixar de falar de si para falar como se fosse o outro. Deixar a solidão da voz para fazer letra acompanhada, emendada, uma dependendo da próxima garfada para alongar a respiração. Baixa-se o rosto para levantar o verbo. É necessário mais coragem para escrever do que falar, porque a escrita não depende só de ti. Nasce no momento em que será lida."
Fabrício Carpinejar  (via segredou)
"Viva de maneira que sua presença não seja notada, mas que sua ausência seja sentida."
— Desconhecido. (via poeta-filosofo)
"Finjo o tempo todo, rio, sou alegre, dispersivo, com aquele
brilho superficial e ridículo. E em cada fim de noite me sinto um lixo."
— Caio Fernando Abreu. (via decepciona)
"— Você gosta de mim?
— Hm… Pode ser.
— Pode ser?
Pode ser que talvez eu goste de você.
— Quero saber o que o seu coração está dizendo sobre isso.
— Deixa o coração fora dessa conversa. Sim, Edu, eu gosto de você e odeio admitir isso porque sei que posso me machucar e estou ariscando o meu coração que mal se recuperou. Na verdade, estou amando você. E tudo bem se doer, faz parte do pacote. Só quero ser feliz e dividir isso com alguém."
Sorrisol.   (via sorrisol)
"Acho que no fundo ninguém sabe ao certo o que é essa vida. A gente vai só vivendo, deitando e levantando a cada dia nessa rotina achando que isso é o certo. Nem a lua tão bonita sabe que está vivendo, aqui do outro lado do mundo. Ela só brilha, e nasce e vive outra vez. E eu bem acho que é isso que a gente tende a fazer, nascer e morrer tentando todos os dias, e depois saber que bem no fim desse mar de incertezas, tudo valeu a pena nessa coisa estranha que é viver."
Waltedéski. (via decepciona)
Cafajeste que se acha muito esperto, na minha mão vira trouxa ✌
"Não é depressão, nem bipolaridade, nem preguiça de viver e muito menos cocaína. É só um acúmulo de tristezas, decepções e mágoas, que tem como resultado esse rosto cansado e este coração tão frágil que insiste em ser forte."
A Escritora de Bar.   (via poeta-filosofo)
"Mulheres nasceram pra sofrer; não é de surpreender que peçam constantes declarações de amor."
Charles Bukowski.   (via jadsonlemos)
"Uma coisa é certa: ficar sentado se sentindo infeliz não vai mudar nada."
O Menino Do Pijama Listrado. (via enflorarme)
Eu quero paz, eu quero tranquilidade… eu quero tudo aquilo que me faça bem de verdade.☁️🙏
THEME